PUBLICIDADE
Topo

Professores do RJ fazem passeata até a sede do governo estadual

Flávia Villela

Da Agência Brasil

10/10/2013 14h28

Centenas de profissionais da educação das redes públicas municipal e estadual do Rio de Janeiro fazem nesta quinta-feira (10) uma passeata no bairro de Laranjeiras, para pressionar o governo e a prefeitura a atender suas reivindicações. Os professores do estado e do município estão em greve há mais de dois meses.

Eles estão a caminho do Palácio Guanabara, sede do governo estadual, mas, ao chegar à rua Pinheiro Machado, na altura da sede do Fluminense, os manifestantes encontraram a via totalmente interditada, nos dois sentidos, por policiais militares (PMs).

Segundo os participantes do protesto, os policiais, que usam escudos e capacetes, formam uma verdadeira "muralha", impedindo-os de avançar. Os professores tentam, neste momento, negociar com os PMs acesso até o Palácio Guanabara, localizado na Pinheiro Machado.

A rua das Laranjeiras, uma das principais do bairro, também foi interditada pela prefeitura.

Até o momento, a manifestação é pacífica: os participantes cantam, mostram cartazes com suas reivindicações e agitam bandeiras. Não há pessoas mascaradas no protesto.