Topo

Educação

Enem


Ministro cogita que fiscal do Enem em Pernambuco tenha vazado foto da prova

prova enem 2019 - Reprodução/Twitter
prova enem 2019 Imagem: Reprodução/Twitter

Guilherme Mazieiro

Do UOL, em Brasília

03/11/2019 23h01

A Polícia Federal foi acionada para investigar a publicação da prova de redação do Enem (Exame Nacional do Ensino Médio) 2019 enquanto os candidatos ainda estavam em sala de aula, e o ministro da Educação afirmou ter indícios do responsável.

Durante a tarde, Abraham Weintraub, titular da pasta, disse que o episódio havia acontecido em Pernambuco. Pela noite, em coletiva de imprensa, disse que é possível que o vazador tenha sido um aplicador de prova que fotografou o caderno de questões de um candidato que faltou ao exame.

Confirmada a hipótese, o episódio deixa de se configurar em uma falha de segurança na aplicação do exame e passa a ser um caso de desvio de conduta do fiscal.

Um aluno com celular em mãos durante o exame representaria falha no protocolo de retirada de eletrônicos dos alunos e desatenção do fiscal que não reparou que alguém tirou o telefone do bolso, fez foto e publicou na internet.

O ministro também destacou que a foto foi feita depois de os portões terem sido fechados — ou seja, não houve divulgação do tema da redação antes da aplicação do exame.

Weintraub não deu mais detalhes da identidade do suspeito, mas disse que se for fiscal, não será convocado para o exame na próxima semana.

Além disso, usou termos pouco elogiosos para descrevê-lo e ameaçou: "O que a gente vai tentar fazer é escangalhar ao máximo a vida dele", afirmou.

Ministro minimiza foto durante o Enem

UOL Notícias

Problemas pontuais

O ministro afirmou que houve episódios pontuais que dificultaram a prova como falta de luz e de água, em Sobradinho (BA), e em uma cidade de Alagoas, que não foi citada.

Segundo ele, em todo país, duas pessoas tiveram problemas de saúde durante a prova.

Além disso, em Goiânia, um local de prova foi alterado durante a semana e parte dos candidatos não se inteirou.

Segundo ele, foram enviados e-mails e mensagens de celular para informar sobre a troca. O ministro esteve em Goiânia e disse que apesar do contratempo, ninguém teve prejuízo no exame.

ID: {{comments.info.id}}
URL: {{comments.info.url}}

Ocorreu um erro ao carregar os comentários.

Por favor, tente novamente mais tarde.

{{comments.total}} Comentário

{{comments.total}} Comentários

Seja o primeiro a comentar

Essa discussão está encerrada

Não é possivel enviar novos comentários.

{{user.alternativeText}}
Avaliar:

* Ao comentar você concorda com os termos de uso. Os comentários não representam a opinião do portal, a responsabilidade é do autor da mensagem. Leia os termos de uso

Escolha do editor

{{ user.alternativeText }}
Escolha do editor

Enem