PUBLICIDADE
Topo

Educação

Enem


9 das 15 carreiras tidas pelo Linkedin como promissoras são da mesma área

A partir de informações da rede social, estudo destaca os trabalhos que estão experimentando um grande crescimento  - GettyImages/ Hinterhaus Productions
A partir de informações da rede social, estudo destaca os trabalhos que estão experimentando um grande crescimento Imagem: GettyImages/ Hinterhaus Productions

Giorgia Cavicchioli

Colaboração para o UOL

16/01/2020 04h00

Resumo da notícia

  • Estudo feito pela rede social usou perfil público de usuários que ocuparam uma ou mais posições nos últimos cinco anos
  • Das 15 profissões em alta no Linkedin, nove são ligados à tecnologia da informação
  • Pesquisa mostra ainda as habilidades e o mercado de trabalhos das profissões mais promissoras de 2020

Das 15 profissões em alta no Linkedin, 9 estão diretamente relacionadas à tecnologia da informação. O dado é resultado de um estudo feito pela plataforma denominado "Profissões Emergentes", que mostra quais são as carreiras mais promissoras em 2020.

A pesquisa foi realizada a partir de informações de usuários da rede social com perfil público e que tinham ocupado uma ou mais posições em tempo integral no Brasil nos últimos cinco anos. O estudo, divulgado em 8 de janeiro, mostra também quais são as habilidades mais requisitadas em cada profissão e quais os setores que mais contratam.

Embora as profissões especializadas em máquinas sejam maioria no estudo, há também um crescente número de funções que requerem a habilidade de interagir com pessoas. Na lista, destacam-se os representantes de vendas e especialistas em sucesso do cliente, na terceira e na quarta posições, respectivamente.

Veja a seguir quais são as 15 carreiras em alta na plataforma e como é o mercado de trabalho de cada uma delas.

1º lugar: Gestor(a) de mídias sociais

A profissão aparece como líder do ranking e sua procura cresceu, anualmente, 122% entre 2015 e 2019. Quem trabalha como gestor de mídias sociais é responsável pela imagem, relacionamento e engajamento da empresa contratante nos canais digitais.

O profissional amplia, de forma estratégica, as possibilidades de negócios da empresa para a qual trabalha por meio de sites e redes sociais como o próprio Linkedin, o Facebook, o Instagram e o Twitter.

Espera-se que o profissional dessa área tenha conhecimentos sólidos em marketing digital e mídias sociais e que ele domine ferramentas como Adobe Photoshop e Illustrator. As áreas que mais procuram esse tipo de funcionário são a da publicidade e a do marketing com ligação com mídias online e internet de um modo geral.

2º lugar: Engenheiro(a) de cibersegurança

Esse profissional se tornou bastante requisitado pelo fato de qualquer dispositivo conectado à internet estar vulnerável à ataques de hackers. A pessoa que exerce essa função precisa criar sistemas de segurança e monitorar a infraestrutura de tecnologia da informação da empresa para evitar que ela tenha algum ataque online.

Além disso, é preciso que esse profissional saiba implementar processos e controles e que ele tenha conhecimento sobre Docker Products, Ansible, DevOps, Amazon Web Services, AWS e Kubernetes. Os segmentos que mais buscam esse tipo de profissional são as áreas de tecnologia da informação e serviços para software de computadores e para serviços financeiros.

3º lugar: Representante de vendas

O profissional é primordial para qualquer empresa e, por isso, se encontra em uma posição tão alta. Porém, o estudo mostrou que o representante de vendas que trabalha na área da tecnologia está nas posições mais elevadas.

O motivo por trás disso é o fato de que empresas de segmentos de softwares, tecnologia da informação e internet são as que mais procuram esse tipo de especialista. De acordo com o estudo, o vendedor dos tempos atuais precisa também conhecer algumas estratégias ativas e passivas de marketing.

Além disso, é preciso que esse profissional saiba mapear as necessidades do cliente da forma mais adequada antes de abordá-lo. Os três segmentos que mais buscam esse tipo de profissional que representa as vendas são os que tratam de softwares de computadores, tecnologia da informação e serviços e internet.

4º lugar: Especialista em sucesso do cliente

Por quererem manter os clientes por perto mesmo depois de oferecer os serviços, muitas empresas procuram pelo especialista. Esse profissional tem o papel fundamental de proporcionar uma experiência boa para o comprador até o pós-venda.

Por conta disso, esse especialista precisa ter um perfil que combine habilidades técnicas e comportamentais. Isso acontece pelo fato de ele precisar entender sobre a tecnologia e sobre qual é a melhor forma de gerenciar relacionamentos.

As empresas que mais procuram esse tipo de profissional são ligadas, na maioria das vezes, à tecnologia da informação e serviços, softwares e internet.

5º lugar: Cientista de dados

Profissões ligadas à captura, processamento, análise, representação e interpretação de grandes volumes de dados são as que mais estão em alta, de acordo com a pesquisa feita pela rede social

O profissional precisa ter os conhecimentos necessários para analisar os dados e, a partir deles, construir modelos, fazer experimentos e buscar insights para que a empresa possa tomar as melhores decisões.

A área é destinada para pessoas que se graduaram em ciência da computação, engenharia da computação e matemática aplicada. Cinco conhecimentos que são muito importantes para essa profissão são machine learning, ciência de dados, linguagem de programação Python e linguagem R.

Os três segmentos que mais buscam esse tipo de profissional especializado são as áreas que têm relação com tecnologia da informação e serviços, softwares de computadores e bancos.

6º lugar: Engenheiro(a) de dados

Esse profissional é o responsável por construir a infraestrutura e os sistemas para organização dos dados da empresa que o contratou. Ele também atua em tudo que tem relação com o armazenamento, a distribuição e a recuperação dessas informações.

No entanto, ele também tem que ter o foco na otimização do desempenho desses pilares. Esse profissional, geralmente, é bastante procurado por empresas que têm foco e também trabalham nas áreas de tecnologia da informação e serviços, bancos e serviços financeiros.

7º lugar: Especialista em inteligência artificial

É exigido desse tipo de profissional um conjunto específico de habilidades que incluem, além de machine learning, o deep learning e a linguagem de programação Python. Além disso, é preciso que esse especialista saiba sobre ciência de dados.

Os três segmentos que mais buscam esse tipo de profissional especializado são as empresas que trabalham com tecnologia da informação e serviços, softwares de computadores e instituições de ensino superior.

8º lugar: Programador(a) de JavaScript

A linguagem de programação JavaScript é uma das principais tecnologias da internet da atualidade. Com ela, páginas da internet podem ser interativas. Sendo assim, a maioria dos sites e navegadores precisam desse tipo de profissional.

As empresas que mais procuram programadores com esse tipo de especialização fazem parte das áreas de tecnologia da informação, softwares e internet.

9º lugar: Investidor(a) Day Trader

O Day Trade é um tipo de estratégia que consiste na compra e venda de ações em bolsas de valores em um mesmo dia. Por precisar de análises e tomadas de decisões que sejam rápidas, os conhecimentos mais procurados neste perfil de investidor são sobre bolsas de valores e mercado de capitais.

Além disso, é preciso que o profissional saiba sobre investimentos de curto prazo e sobre a metodologia de análise técnica, que tenta prever o comportamento futuro do mercado baseado em dados históricos.

Os segmentos que mais procuram por esse tipo de profissional especializado são os que estão ligados aos serviços financeiros, ao mercado de capitais e às gestoras de fundos de investimentos.

10º lugar: Motorista

Os setores da economia que mais se destacaram na procura por motoristas e que devem demandá-los no próximo ano estão ligados às empresas ligadas à internet e à serviços e facilidades ao cliente, como os aplicativos de transporte de passageiros e os de compras e entregas.

Além disso, o segmento de logística também deverá demandar esse tipo de profissional durante o ano de 2020. Esse tipo de funcionário precisa, além de ser um bom motorista, saber usar técnicas de negociações e atendimento ao cliente. É recomendável que esse tipo de profissional também saiba usar ferramentas básicas de tecnologia.

11º lugar: Consultor(a) de investimentos

Esse tipo de profissional orienta os clientes na tomada de decisão de como aplicar os recursos deles, de acordo com as expectativas e necessidades de cada pessoa. Para isso, o especialista precisa dominar as carteiras para direcionar as melhores estratégias àquele perfil.

Os conhecimentos mais solicitados dentro da profissão são aqueles que envolvem investimentos, mercados de capitais e financeiro, renda fixa e análise financeira. As áreas que mais procuram pelo profissional são as que estão ligadas aos serviços financeiros, ao mercado de capitais e aos bancos.

12º lugar: Assistente de mídias sociais

O assistente de mídias sociais tem que, entre suas responsabilidades, pesquisar marcas ou mercados competitivos, executar campanhas nos sites e redes sociais e criar uma voz ou imagem online que seja desejável pela empresa que o contratou e que atinja o público-alvo dela.

Esse tipo de profissional será bastante procurado durante o ano de 2020 por empresas que estejam no mercado de publicidade e marketing. Sendo assim, é preciso que esse funcionário saiba como usar ferramentas como o Adobe Photoshop e o Instagram, por exemplo.

13º lugar: Desenvolvedor(a) de plataforma Salesforce

Uma das tarefas mais importantes desenvolvidas atualmente nas empresas é centralizar em um único banco de dados todas as interações entre a empresa e seus clientes. Para que isso seja realizado, as empresas têm usado um grupo de ferramentas chamado Customer Relationship Management (CRM).

O Salesforce é um dos sistemas CRM mais fortes do mercado, e os programadores que são especialistas nele analisam os processos da empresa, desenvolvem fluxos de trabalho e trabalham com o gerenciamento de soluções para necessidades específicas do negócio.

14º lugar: Recrutador(a) especialista em tecnologia da informação

Para contratar profissionais qualificados de tecnologia da informação, as empresas também precisam de recrutadores especializados no setor. É exigido que esse profissional tenha um bom conhecimento da área para que ele possa fazer as melhores escolhas em um processo seletivo.

Os conhecimentos mais exigidos na área são o recrutamento em tecnologia da informação, recrutamento, entrevista, pesquisa de executivos e técnicas de recrutamento. As empresas que mais procuram o profissional são as que estão diretamente ligadas à tecnologia da informação e serviços, ao recrutamento e seleção e aos recursos humanos.

15º lugar: Coach de metodologia Agile

Agile é uma metodologia de gerenciamento de projetos que está focada em desenvolver equipes mais ágeis, de modo a facilitar as transformações na cultura organizacional necessárias para a sustentabilidade da empresa.

O coach especializado nesse tipo de modelo, é capaz de treinar os times e supervisionar o desenvolvimento deles com o objetivo de que eles possam contribuir com seu potencial para resultados mais efetivos. Empresas de atividades ligadas à tecnologia são as que mais estão buscando por esses profissionais.

Enem