Topo

Faculdade inglesa gera polêmica ao perguntar orientação sexual de alunos

Formulário entregue para alunos da faculdade inglesa Barnsley  - Reprodução/Daily Mail
Formulário entregue para alunos da faculdade inglesa Barnsley Imagem: Reprodução/Daily Mail

Do UOL*, em São Paulo

06/09/2013 12h04Atualizada em 06/09/2013 12h28

A faculdade inglesa Barnsley gerou polêmica com um formulário de registro que perguntava a orientação sexual de alunos de 16 e 17 anos. O estudante devia indicar se era bissexual, gay, lésbica, heterossexual ou transexual – também existia a opção “prefiro não dizer”. As informações são do Daily Mail.

Veja também

  • Jason Franson/AP Photo/The Canadian Press

    "Não posso ser uma menina e ser feliz", diz aluno transgênero de 11 anos

  • AP Photo/Robert F. Bukaty

    Aluna transgênero processa escola por proibir uso de banheiro feminino

O questionamento foi feito ao lado de perguntas sobre dados pessoais como endereço, idade e detalhes de contato. Segundo a publicação, alguns estudantes caíram no choro e reclamaram de invasão de privacidade.

Ativistas do movimento gay criticaram a conduta da universidade e sugeriram que eles revissem o procedimento de inscrição.

Um representante da faculdade pediu desculpas a quem se sentiu ofendido, disse que iriam rever a forma de fazer as perguntas e afirmou que as respostas auxiliam no monitoramento da taxa de sucesso de grupos característicos.

Segundo a instituição, todas as faculdades são obrigadas, desde 2011, a recolher essas informações, a fim de cumprir deveres legais com o Setor de Igualdade. 

*Com informações do Daily Mail

Mais Educação