Leitura de texto instrucional

Fernanda Glaessel Ramalho

Objetivos de leitura

1) Conhecer as características próprias do texto instrucional (regras do jogo) e também das armadilhas.

2) Adquirir mais confiança em si mesmo como leitor, atrevendo-se a antecipar o significado dos textos e preocupando-se depois em verificar suas antecipações.

3) Utilizar dados disponíveis nos textos instrucionais, valendo-se de características específicas, como sua diagramação, presença de quantidades, palavras conhecidas, imagens para fazer antecipações e verificá-las.

4) Identificar e compreender o uso dos verbos no imperativo no texto. (Move, Miss etc.)

5) Identificar os diferentes marcadores temporais indicadores de seqüência (After, Then, etc.)

6) Estabelecer relações entre diversos textos acerca de um mesmo tema e/ou entre regras de diversos jogos estudadas.

7) Distinguir o que se entende e o que não se entende no texto que está sendo lido.

8) Utilizar recursos para superar dificuldades de compreensão durante a leitura (pedir ajuda aos colegas ou ao professor, reler o trecho que provoca dificuldades, continuar a leitura com a intenção de que o mesmo texto permita resolver as dúvidas ou consultar novos materiais para esclarecê-las).

9) Procurar compreender o significado de uma palavra desconhecida no texto a partir do contexto, do estabelecimento de relações com outros textos lidos e da busca no dicionário (principalmente nos casos em que o significado exato da palavra é fundamental).

Antes da leitura

1) Listar jogos conhecidos.

2) Discutir sobre o que são regras e para que servem.

3) Levantar conhecimentos prévios de manuais de jogos.

Durante a leitura

1) Na primeira aula, jogue jogos conhecidos das crianças (memory game; bingo; etc.) a partir da leitura de suas regras em inglês contidas nos manuais. Caso os textos sejam complexos, faça adaptações, tomando cuidado para que o uso da língua não fique simplificado. A idéia aqui é que as crianças encontrem regularidades nesse tipo de texto, ou seja, que percebam os elementos que se repetem, tais como: as informações sobre o número de jogadores, a idade sugerida, os componentes do jogo e o como jogar. Essas observações ajudam as crianças a entender a estrutura e as características desse tipo de texto, além de levá-las a elaborar hipóteses sobre o sentido de algumas palavras e expressões.

2) Na aula seguinte, ofereça partes de algum texto instrucional embaralhadas e peça que os alunos, em duplas, organizem os parágrafos que estão fora de ordem. A atividade vai exigir uma leitura mais atenta e a negociação para tomar decisões.

3) Na terceira aula selecione um texto modelo de um jogo de trilha em inglês acessível para a idade dos alunos e faça a cópia dele em acetato. Projete-o e realize a leitura pedindo que as crianças tentem adivinhar a que elemento se refere cada parte do texto (número de jogadores, componentes do jogo etc.).

4) Garantida a estrutura textual, passe para um estudo do vocabulário distribuindo uma cópia desse mesmo texto para cada criança. Peça que grifem palavras importantes tais como: dice, counters, spaces, players etc.

Depois da leitura

É hora de jogar. Divida os alunos em grupos, de acordo com as demandas do jogo e peça que, ao jogarem, se comuniquem em inglês.

Fernanda Glaessel Ramalho
é pedagoga, formadora de professores e professora de inglês da Escola Castanheiras.

titulo-box Shopping UOL

UOL Cursos Online

Todos os cursos