Dietas alimentares





Autor Cristina Faganeli Braun Seixas




Objetivos

- Buscar informações sobre diferentes dietas.

- Analisar as dietas alimentares, enfocando as vantagens e desvantagens de cada uma.

- Relacionar os alimentos ingeridos aos produzidos por diferentes populações.

Comentários

A palavra "dieta" nos remete, quase sempre, à perda de peso (regime) e à privação de alimentos gostosos, mas dieta não se restringe a isso, pois o termo vem do grego (díaita) - significa "modo de viver" - e do latim (diaeta), "comedimento no comer e no beber". Assim, "dieta" se refere aos hábitos alimentares individuais, e estes podem ser saudáveis ou não.

Assim, a palavra "dieta" é utilizada para indicar o consumo de alimentos de forma equilibrada, com o objetivo de se ter uma boa saúde e controlar o peso, supondo, inclusive, a prática de exercícios.

Atualmente conhecemos várias dietas: a vegetariana, a mediterrânea, a de proteínas, dentre muitas outras. E mesmo um determinado tipo pode possuir variações. Por exemplo, a dieta vegetariana:

a) Vegetarianismo estrito - evita o consumo de todos os produtos de origem animal, como carnes, ovos, leite e queijo;

b) Ovo-lacto-vegetarianismo - proíbe a ingestão de todas as carnes, mas permite o consumo de produtos animais, tais como ovos e leite;

c) Lacto-vegetarianismo - elimina a ingestão de todas as carnes, mas permite o consumo de leite e seus derivados, como queijo, manteiga e iogurte;

d) Ovo-vegetarianismo - proíbe o consumo de carnes, mas permite comer ovos;

e) Pesco-vegetarianismo - permite a ingestão de frutos do mar, principalmente peixe, mas não é considerada como uma verdadeira dieta vegetariana.

Mas qual é a dieta ideal? Compete aos alunos analisarem e descobrirem.

Materiais

- diferentes fontes de pesquisa (livros, revistas, internet, etc.);

- cartolina;

- lápis de cor;

- canetinha.

Estratégias

1. O professor solicita a um trio de alunos que pesquise sobre uma dieta específica, relacionando-a à determinada população ou comunidade. Em seguida, os alunos representam a dieta por meio de figuras, utilizando a pirâmide alimentar (fazer um cartaz).

2. O trio utiliza o cartaz para a apresentação à turma.

3. Cada trio aponta as vantagens e desvantagens da dieta analisada.

4. Ao final das apresentações, os cartazes devem ficar na lousa, para que a classe compare os diferentes alimentos consumidos pelas populações.

5. O professor faz perguntas sobre os alimentos consumidos em cada dieta e relaciona a dieta a problemas ou benefícios à saúde (o excesso de gorduras, por exemplo, acarreta obesidade e problemas cardiovasculares, etc.).

6. A classe discute sobre as vantagens e desvantagens de cada dieta apresentada.

7. Os alunos fazem anotações individuais, ressaltando vantagens e desvantagens de cada dieta.

Dicas

O professor pode orientar os alunos para que anotem sua alimentação diária, a fim de confrontá-la com uma dieta balanceada, buscando ter uma vida saudável.

Cristina Faganeli Braun Seixas
é bióloga e professora da Fundação Bradesco (Unidade I - Osasco).

UOL Cursos Online

Todos os cursos