Por que os jovens querem deixar o Brasil?

Antonio Carlos Olivieri, da Página 3 Pedagogia & Comunicação

  • Reprodução

    Os Estados Unidos são o país preferido dos emigrantes brasileiros, cujos pedidos de visto para entrar e lá se estabelecer dobraram entre 2008 e 2017

    Os Estados Unidos são o país preferido dos emigrantes brasileiros, cujos pedidos de visto para entrar e lá se estabelecer dobraram entre 2008 e 2017

Historicamente, o Brasil tem sido um país de imigração: gente de várias partes do mundo deixou seus países de origem para tentar conseguir aqui melhores condições de vida: portugueses, espanhóis, italianos, alemães, japoneses, árabes, coreanos, etc. No entanto, uma pesquisa do Datafolha realizada no mês de junho de 2018 aponta para uma grande mudança nesse quadro migratório. Agora, são os brasileiros que querem deixar o país, em busca de uma vida melhor no exterior: se pudessem, cerca de 70 milhões de brasileiros deixariam o Brasil, isto é, 43% de nossa população adulta. Entre os jovens, na faixa dos 16 aos 24 anos, o número aumenta: são 63% os que querem partir. Na sua opinião, o que explica esse fato? Por que o Brasil teria se transformado num país de emigração? Desenvolva um texto dissertativo-argumentativo sobre esse tema, apresentando o que lhe parece ser os motivos da mudança e avaliando se essa inversão do fluxo migratório se justifica ou não.

62% dos jovens brasileiros querem emigrar

Num piscar de olhos, a população dos estados de São Paulo, Rio de Janeiro e Paraná desapareceria do Brasil. Cerca de 70 milhões de brasileiros com 16 anos ou mais deixariam o Brasil se pudessem, mostra o Datafolha.

Na pesquisa, feita em todo o Brasil no mês passado, 43% da população adulta manifestou desejo de sair do país. Entre os que têm de 16 a 24 anos, a porcentagem vai a 62%. São 19 milhões de jovens que deixariam o Brasil, o equivalente a toda a população de Minas Gerais.

O êxodo não fica apenas na intenção. O número de vistos para imigrantes brasileiros nos EUA, país preferido dos que querem se mudar, foi a 3.366 em 2017, o dobro de 2008, início da crise global.

Os pedidos de cidadania portuguesa aceleraram. Só no consulado de São Paulo, houve 50 mil concessões desde 2016.

Há também grande frustração. "O Brasil de 2010 promoveu as expectativas de que nosso país seria diferente. O tombo foi maior quando se descobriu que não estávamos tão bem quanto se dizia", explica Flávio Comim, professor de Economia da Universidade Ramón Llull, em Barcelona.

"Afinal, o que é ser brasileiro hoje? Não pode ser ‘sou um desiludido, um desesperançado’. Cair nisso é muito perigoso para todos nós", alerta o diretor de Mobilização do Todos pela Educação, Rodolfo Araújo.

Há de fato um clima de desesperança. Levantamento feito no começo do mês de junho pelo Datafolha mostrou que, para 32% dos brasileiros, a economia vai piorar; 46% acreditam em alta do desemprego.

"Gera uma angústia muito grande. Se nós já estamos em pânico, imagine os jovens", diz Marcos Fernandes, pesquisador da Fundação Getúlio Vargas. Enrico Aiex Oliveira, 19, um dos 12 mil brasileiros que cursam faculdade em Portugal, pretende fazer carreira no exterior. Gostaria de voltar um dia ao Brasil "se houvesse estabilidade econômica, reforma política e melhora na saúde e na educação".

O problema, segundo Comim, é que, "se há um futuro, ele não deve chegar tão breve. E dez anos podem não ser nada na vida de um país, mas é muito na de uma pessoa".

Nessa perspectiva, a vontade de ir embora "é uma atitude racional, de busca de uma vida melhor em um mundo no qual ficou mais fácil transitar".

(Folha de S. Paulo, editado)

Observações

Seu texto deve ser escrito na modalidade formal da língua portuguesa.

Deve ter uma estrutura dissertativa-argumentativa.

Não deve estar redigido sob a forma de poema (versos) ou narração.

A redação deve ser digitada e ter, no mínimo, 800 caracteres e, no máximo, 3.000 caracteres.

De preferência, dê um título à sua redação.

Envie seu texto até 25 de julho de 2018.

Confira as redações avaliadas a partir de 1 de agosto de 2018.

A redação pode ser enviada para o e-mail: bancoderedacoes@uol.com.br

Com base nos textos acima, elabore sua redação sobre o tema "Por que os jovens querem deixar o Brasil?." Quando ela estiver pronta, envie para bancoderedacoes@uol.com.br

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos