A evolução da tecnologia

NOTA 5,0

Do simples ato de caçar para alimentar-se, até a descoberta do fogo Do uso de ferramentas primitivas até o domínio do fogo; a evolução tecnológica tem sido uma constante em nossa existência. A cada dia surgem novas necessidades e, por consequência, novas formas de suprirmos estas necessidades através das inovações e de novas descobertas. Apesar dos benefícios que a tecnologia nos proporciona, existem pessoas que acabam utilizando-as utilizando-a em benefício próprio, por meios para fins ilícitos e antiéticos.

No mundo atual, onde moedas virtuais valem mais que metais preciosos, os crimes virtuais acabam crescendo e, em contrapartida, o combate a estes eles necessita ser reforçado. Exemplo disso são os hackers, que invadem dispositivos eletrônicos na tentativa de obter dados e informações valiosas para que consiga consigam extorquir dinheiro dos proprietários. A luta contra este esse tipo de crime crime, além de ser difícil, pelo fato do de o criminoso poder estar em qualquer lugar do planeta, é escasso. Portando Portanto, deve haver uma organização mundial que seja regulamentada e que tenha liberdade de atuar em qualquer pais país, junto com os órgãos competentes, no combate ao crime virtual.

Além disso, a divulgação de conteúdo pornográfico e violento também é preocupante, principalmente porque dados do IBGE relatam que adolescentes entre 15 e 19 anos são os que mais utilizam a internet. A dificuldade do controle destes conteúdos é praticamente impossível de ser feita pelo Governo É praticamente impossível ao governo controlar esses conteúdos, já que o acesso a internet é irrestrito. Logo, o papel dos pais e responsáveis no controle da vida digital dos jovens é necessário. Para maior controle, existem serviços na Web que podem bloquear o acesso a à pornografia e a outros sites que podem representar algum perigo.

Pelas informações anteriores é possível concretizar que Por tudo isso é possível constatar que, com a evolução da tecnologia, também há uma evolução nos métodos de praticar crimes, e para combatê-los, deve haver uma união, seja dos países entre si, seja dos governos com a sociedade. Somente assim poderemos usufruir de todos os benefícios da tecnologia sem preocupação.

Comentário geral

Texto razoável, em que o autor divaga sobre tecnologia de um modo geral, limitando-se a falar dos perigos da internet no segundo e no terceiro parágrafo. Sua reflexão não é incorreta, mas abre uma questão que é muito mais abrangente do que o crime na internet e, para piorar, sua conclusão é banal: toda tecnologia humana ou a esmagadora maioria delas pode ser usada para o bem ou para o mal. Isso vale tanto para computadores quanto para um arco e flecha, então essa conclusão extrapola o tema. Há ainda um caráter redundante no texto como um todo, pois, nos dois últimos parágrafos ele, aponta soluções para os problemas específicos que apresentou, repetindo as mesmas soluções no parágrafo final.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: Se o autor pretende dar uma noção da evolução histórica da tecnologia, ele não devia se limitar as duas tecnologias pré-históricas. Devia partir de algo pré-histórico, como o machado de pedra, até chegar a algo atual, como robôs, computadores, etc. Além disso, caçar não é uma tecnologia e nem é uma atividade exclusiva de seres humanos: animais irracionais também caçam e sem tecnologia.

2) Segundo parágrafo: a) Aparentemente, o autor superestima o valor das moedas virtuais, que ainda não são o padrão monetário internacional. b) Moedas virtuais facilitam alguns tipos de crime virtual, mas o crime não está crescendo por causa das moedas virtuais. c) O pronome (d)isso se refere ao antecedente imediato, ou seja, ao combate e não aos crimes virtuais, dos quais os sequestros de dados perpetrados por hackers são um exemplo. d) A luta escasso é um erro banal de concordância. Mas a verdade é que o combate ao crime virtual nada tem de escasso. Aparentemente, os criminosos parecem estar sempre à frente da lei, mas isso não significa que os governos, as empresas, em especial os bancos, não invistam bastante recursos para se proteger da ação de hackers.

 

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 1,0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 1,0
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 1,0
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 1,0
Nota final 5,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos