A fé não mora na igreja

NOTA 3,0

A intolerancia intolerância religiosa no Brasil, aindaBrasil ainda é é um problema a se resolver. Embora o país seja aberto a todos os tipos de religiaoreligião, a aceitação de algumas algumas, como Candoblé, Umbanda o Candomblé e a Umbanda, gera preconceito que que, muitas vezes causado pelo desconhecimento da doutrina, causa provoca, além de insultos, agressões agressões, que são considerados consideradas até crime.

Já no século XVII Voltaire XVIII, Voltaire, pensador iluminista, defendia a liberdade de pensamento e era bastante critico crítico quando se referia a intolerancia à intolerância religiosa. O país é laico pois 95% das pessoas são cristãos cristãs, e o fanatismo predomina, e dogmas e crenças que contradiz contradizem o que o cristianismo ensina, é incoerente a pratica prática de repressão.

È Éinviolável a liberdade de conciencia consciência e de crença, é livre o exercício de cultos religiosos como descreve o artigo 5, da constituição Constituição federal.

Em virtude dos argumentos citados, a necessidade das politicas publicas políticas públicas, principalmente as que são voltadas para direitos humanos, visionarem visarem mais o que acontece, é tolerante e é uma causa urgente. As escolas devem ser "Berços para impor no Brasil, pessoas pensantes e igualitárias. Está sendo incógnita um país que abrange a aceitação de todos se revoltar com novas religiões que vem se expandindo.

Comentário geral

Texto fraco. O aluno não consegue separar as ideias de que fala, misturando-as desorganizadamente nas mesmas frases, de modo que nunca fica muito claro o que ele quer dizer. Os dados que ele apresenta não são conectados de modo a formar argumentos. Sem falar em declarações que simplesmente não fazem sentido.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: certo seria dizer que insultos e agressões podem até ser considerados crimes, de acordo com a sua gravidade.

2) Segundo parágrafo: a) cita-se Voltaire só por citar, pois a informação não se liga ao que vem a seguir. b) A afirmação é contraditória: os país é laico e cristão. Há que se matizar a declaração: o Estado brasileiro é laico, apesar de a maioria da população ser cristã. c) O resto da frase é confuso, pois se misturam sem organização muitas ideias.

3) Quarto parágrafo: o mesmo vale para este parágrafo, em que as ideias se misturam sem hierarquia e o leitor só consegue entender por algo que, para acabar com a intolerância religiosa o governo deve investir em educação.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 0,5
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0,5
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0,5
Nota final 3,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos