A legalidade política nas redes sociais

NOTA 4,0

O avanço tecnológico que ajudou a muitos com a evolução das redes sociais é o mesmo avanço que nos faz sermos manipulados com por falsas notícias e informações. Porém, o problema não está nas redes sociais, tampouco na evolução tecnológica, está nos hábitos humanos desenvolvidos decorrentes desses avanços, pois, a velocidade de transmissão das informações culminada com a massa dessas acabam por nos levar a dispensar sua legalidade.

As redes sociais sociais, como face book, whatsapp e instagran, Facebook, Whatsapp e Instagram, processam e transmite transmitem turbilhões de informações em um curto período de tempo, com uma velocidade tão rápida que os usuários dessas seus usuários raramente averiguam se se tratam de informações legais verdadeiras ou mentirosas. Especialmente neste nesse período em que se aproxima as eleições políticas aproximam as eleições, em cenário marcado, que cada notícia significa decidir quem perde ou quem ganha, nesse, toda atenção deve ser redobrada.

A legalidade das informações, se tratando tratando-se de fatos políticos, devem ser questionadas deve ser questionada em todos os meios de informações comunicação, principalmente nas redes sociais sociais, devido a não seleção de conteúdos nelas postados. A interesse de alguém uma falsa notícia pode ganhar um mundo, bem como uma boa notícia pode deixar de ser propagada. Por esse motivo há uma extrema necessidade em se certificar das legalidades e legitimidades de informações que tratem desse respeito.

Deste modo, uma solução para atestar a veracidade das informações seria buscá-las em diferentes meios informativos e através de diferentes fontes, pois, a ideia de essas serem publicadas com o mesmo conteúdo por diferentes veios significa que a fonte não saiu unicamente da mente intencional de um, mas apresenta a possibilidade de vários terem sido informados sobre o fato informado. Desse modo, uma solução para confirmar a veracidade das informações é procurá-las em diversos meios de comunicação e fontes. Se várias fontes noticiam da mesma maneira um mesmo fato é provável que ele seja verdadeiro e não uma invenção que saiu de uma mente mal-intencionada.

Comentário geral

Texto fraco. Com alguma relutância, atribuímos 1,0 ponto à competência 1, pois, embora o autor consiga se fazer entender na maior parte do texto, ele o faz de maneira ambígua, confusa e obscura. De resto, ele faz uma análise superficial do problema, ao acreditar que ele decorre principalmente do excesso de informações, que impede os leitores ou usuários de checarem os fatos. Há vários outro problemas e equívocos, que serão comentados pontualmente.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: a) "ajudou a muitos" em quê? Essa introdução do tema é muito vaga. b) Há três adjetivos subsequentes caracterizando "hábitos". Melhor seria deixar apenas dois: "hábitos humanos decorrentes". c) Entende-se o que o autor quer dizer no trecho final, até porque ele vai repetir a mesma informação no parágrafo seguinte. De qualquer modo, a frase não obedece os requisitos da gramática.

2) Segundo parágrafo: a) "turbilhões" é um vocábulo inadequado para o que o autor está tentando dizer. b) Não se trata da legalidade, mas da veracidade das informações. Essa confusão de conceitos num ponto que é essencial para o texto é inadmissível. c) Novamente, o parágrafo termina de modo agramatical.

3) Terceiro parágrafo: também marcado pela agramaticalidade, deveria ser totalmente reescrito para benefício da clareza e da eliminação de erros. Além disso, repete-se o equívoco conceitual sobre a legalidade das informações.

4) Quarto parágrafo: também é muito confuso, mas como não há equívocos conceituais, preferimos corrigi-lo, reescrevendo-o em verde.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 1,0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0,5
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 1,0
Nota final 4,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos