Topo

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Fevereiro/2019 Posse de armas: mais segurança ou mais perigo?

Redação corrigida 100

Ao analisar o decreto que facilita a posse de armas

Erro Alteração Correção

Ao analisar o decreto que facilita a posse de armas, vê-se que a medida busca promover a legitima legítima defesa entre os cidadãos brasileiros. Nesse contexto, sabe-se ainda de crescentes taxas de violência mesmo em países com a presença da lei, além de trazer maiores riscos para dentro de casa.

Nesse hiato, levantamentos já mostraram que a maioria dos crimes em que há a presença das armas de fogo, foram fogo foram originalmente vendidas de forma legítima a cidadãos autorizados, mostrando a despreparação psicológica da sociedade. Ademais, o decreto apresenta falhas ao não especificar a fiscalização.

Portanto, medidas diferenciadas são necessárias para resolver a carência de segurança. Immanuel Kant diz “O homem é o que a educação faz dele”, dessa forma o Ministério da Educação deve instituir palestras para os pais e filhos, promovidos promovidas pela escola, sobre como defender-se primeiramente sem utilizar a violência. Ademais, é imperioso que que, para que o Estatuto do Desarmamento funcione funcione, haja uma fiscalização mais rigorosa e específica realizada não somente pela Polícia Federal, mas pela própria comunidade.

Comentário geral

Lamentavelmente, o texto é precário, porque marcado pela obscuridade, a incompletude, a ambiguidade. A falta de domínio da linguagem escrita prejudica a expressão das ideias e a construção de uma reflexão propriamente dita.

Competências

• 1) Infelizmente, o uso precário da linguagem escrita impede que o autor organize minimamente seus pensamentos de modo a se comunicar com o leitor. Há exemplos claros disso no primeiro parágrafo: a) o decreto não visa “promover” (= incentivar) a legítima defesa, mas permitir ou facilitar sua ocorrência. b) A frase que segue é totalmente desconexa, com expressões absurdas como “países com a presença da lei” – que lei? A do desarmamento? A lei no sentido de as leis em geral? Existem países sem a presença de leis? c) Qual é – em termos lógicos e sintáticos – a causa que traz maiores riscos para dentro de casa? É possível fazer suposições sobre o que o autor está pensando, mas ele não conseguiu expressar isso.

• 2) O texto não é uma dissertação argumentativa e se limita a tangenciar o tema, pois o autor, em todos os parágrafos, deixa incompletas e subentendidas as ideias que estão por trás de suas frases.

• 3) Não há uma argumentação. O autor não consegue expressar os fatos e muito menos transformá-los em premissas para defender seu ponto de vista. A conclusão é aleatória.

• 4) O autor não domina os recursos linguísticos que permitem compor um texto dissertativo. Para usar as palavras dele, suas sentenças são construídas de tal modo que há hiatos entre as coisas que ele diz. Ele salta de um tópico para outro sem se preocupar em usar qualquer recurso coesivo que os conecte.

• 5) Além de aleatória, de não ter sido extraída das premissas, a simples ideia de usar a educação como coringa para resolver qualquer tipo de problema deixa claro que o autor não levou em conta as especificidades do tema em pauta. Sobre a fiscalização, pode-se dizer a mesma coisa, pois o autor usa o termo genericamente, sem explicar a que tipo de fiscalização se refere, como ela aconteceria, quem a faria, etc.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 20
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 20
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 20
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 20
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 20
Nota final 100

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.