PUBLICIDADE
Topo

Educação

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Janeiro/2020 Supremo Tribunal Federal e opinião pública

Redação corrigida 0

Censura ao Supremo Tribunal Federal versus opinião pública

Inconsistente Erro Correção

De acordo com pesquisas o supremo tribunal federal pesquisas, o Supremo Tribunal Federal vem sendo tendo destaque pelo os pelos ataques por a sua conduta. Avaliação que foi feita pode-se mensurar como pessoas classificaram, e a maioria a afirmou como: péssimo. Diante da problemática que circunda o STF em que diz respeita a respeito à opinião pública, observa-se que as pessoas estão incontentes descontentes com maneira que tratam as reivindicações sociais, já que essas deveriam ser relevantes no contextual contexto social e não políticos político.

As premissas que levaram as pessoas a classificarem o STF como péssimo foi após a promulgação eleição do novo presidente do Brasil, e condução que foi desencadeada no governo do presente. Acredita-se que muitos insatisfeitos com novo presidente e as novas mudanças no meio social tenderam a aumentar número de pessoas contra o STS STF, mas vale salientar que o STF continua cumprindo com as medidas, resolvendo e debatendo nas leis do país.

Todavia, as transformações que ocorreram e precisavam colocar em vigor, trouxe consigo divergências de opiniões em que maioria não concorda com aprovação de alguns requisitos do STF, mas ressaltar-se que qualquer a aprovação passa pela votação e só depois são encaminhados aos outros poderes do país. Pode-se evidenciar que pessoas precisam se inteirar mais sobre como ocorrem normas de reivindicação da população.

Contudo, vê-se uma sociedade desinformada que se precisa mais saber sobre os eventos que acontece acontecem no país. Cabe salientar que qualquer decisão precisa passar pela tramitação e só depois de avaliados que colocado em vigor, mas diante disso é preciso frisar que necessita colocar políticos responsáveis que priorize priorizem com seriedade as problemáticas sociais e que saiba saibam tomar decisões que beneficie a beneficiem à sociedade e não aos políticos.

Comentário geral

Infelizmente, o texto demonstra uma completa falta de domínio da linguagem escrita, a ponto de todo o conteúdo ficar prejudicado. Para ser consertada, a redação deveria ser completamente reescrita, mas isso é impossível, pois os muitos problemas linguísticos e gramaticais impedem que se saiba qual o pensamento do autor. As orações têm sintaxe truncada, os erros de concordância estão em toda parte, assim como as escolhas incorretas de vocabulário. Há trechos que podem ser corrigidos, como, por exemplo, "a promulgação do presidente da República". Por outro lado, um trecho como o terceiro parágrafo não faz sentido e nada comunica ao leitor, pois é completamente agramatical. Então, só se pode lamentar essa total incapacidade de comunicação por meio da palavra escrita.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0
Nota final 0

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.


PUBLICIDADE