Topo

Educação

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Julho/2019 A ciência na era da pós-verdade

Redação corrigida 0

De acordo com a poesia do poeta maranhense

Inconsistente Erro Correção

De acordo com a poesia do poeta maranhense, nauro Nauro Machado: "Um atrás do outro, atrás um do outro, ano após ano, ano após outros, minuto após minutos, século após séculos, e de novo um atrás do outro, um atrás do outro". Se ainda, estivesse ainda estivesse vivo, certamente conversaria com ele, hoje, sobre o sentido dessa frase que que, de imediato imediato, estaria relacionado relacionada com "a ciência na era da pós-modernidade", em virtude da discussão da vacina e do formato da terra, mostra-se como um dos debates da atualidade.

Certamente, hoje, em sociedade sociedade, existe um grande debate sobre se a vacinação é realmente eficaz durante a vida. Seria, sim, mais uma incredulidade geral de certas instituições, com intuito de moldar a sociedade a favor de seus pensamentos, mesmo após o primeiro ato esses membros estarão construindo uma sociedade negativas negativa a cerca acerca das décadas subsequentes.

Da mesma forma, um dos grandes contra versas de que a terra Terra não é redonda é o estadunidense Eric Dubai, autor do livro "200 provas que a terra Terra não é uma bola giratória". Com isso, conquistou adeptos em todo mundo, de certo modo a terra é redonda que gira em torno do sol e provas que tenhamos em sociedade como: o homem na lua satélite, fotos e vídeos.

A poesia citada inicialmente, com os argumentos expostos, não está seguindo a mesma lógica. Portanto, os grandes estudiosos como: médicos, cientistas universitários, demostrar demonstrar de maneira clara para a sociedade civil que não só as problemáticas abordadas como outros assuntos seja esclarecido sejam esclarecidos, promovendo esclarecimento da ciência antes da pós-modernidade. Só assim a poesia de nauro Nauro Machado, estará alinhado com o tema sem nenhuma desconfiança.

Comentário geral

Lamentavelmente, o texto não dá a entender o que o autor tem a dizer sobre o tema. É, na verdade, um amontoado aleatório de palavras, selecionadas e combinadas de acordo com critérios subjetivos. O resultado é um texto solipsista, que nada comunica ao leitor.

Competências

  • 1) Infelizmente, em termos de linguagem, o texto é agramatical, isto é, tanto a seleção quanto a combinação de palavras transgridem de tal modo as regras intrínsecas do idioma, que não se produz comunicação. Existem apenas alguns fragmentos de texto que, isoladamente, fazem sentido.
  • 2) Aparentemente, o autor aborda o tema proposto, pois há referências à vacinação e à Terra plana, mas não se sabe que compreensão o autor teve disso pois suas afirmações ou são excessivamente confusas ou simplesmente não fazem sentido.
  • 3) É impossível encontrar uma argumentação ou linha de raciocínio num texto que não segue o padrão gramatical que possibilita a comunicação.
  • 4) Igualmente, é impossível falar na existência de mecanismos linguísticos que construam a argumentação.
  • 5) Se não há argumentação, não há conclusão. Há um último parágrafo com declarações aleatórias, que funcionam como um simulacro de conclusão.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0
Nota final 0

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.