Dilma vs. Impeachment

NOTA 3,0

No Neste mês de abril esta está acontecendo uma grande discussão, sobre a o mandato de Dilma. Onde a maioria do povo quer ela fora do governo.

atualmente Atualmente, no Brasil, a uma grade grande discussão sobre o mandato da presidente Dilma Rousseff, muitos querem ela fora Rousseff. Muitos a querem fora do governo Brasileiro, já brasileiro. Já outros ainda querem que ela governo o Brasil. o Governo O governo de Dilma teve suas vitória vitórias e derrotas. No nordeste Nordeste, ela realizou o sonho que de muitos nordestinos com a minha casa minha vida o Minha Casa Minha Vida, um sonho da casa própria que parecia muito distante para muitos nordestinos, um sonho que a presidenta Dilma realizou nesses anos em que ela governa o Brasil. O governo de Dilma Rousseff teve outro ponto forte com os Nordestinos nordestinos e com os brasileiros, que foi o Bolsa Família, um programa social que trouxe muito alivio alívio para muitas famílias Brasileiras brasileiras. O programa busca garantir a essas famílias o direito à alimentação e o acesso à educação e à saúde, em saúde. Em todo o Brasil, mais de 13,9 milhões de famílias são atendidos pelo bolsa família Bolsa Família.

Mais Mas não foi foramvitorias vitórias que o governo da Dilma teve, ate até porque, não é atoa à toa que querem ela a querem fora do governo do Brasil, em denuncia Brasil. Em denúncia apresentada a Câmera Federal à Câmara Federal, querem o afastamento da presidenta pela pratica prática de crime de responsabilidade. também, Também é impossível negar a relação estreita de Dilma com os principais envolvidos na operação lava-jato(a operação lava-jato é a principal operação contra a corupsão), onde Operação Lava Jato, que é a principal investigação sobre corrupção no país, em que muitos já foram presos e condenados. a A presidenta Dilma tenta se defender, falando que impeachment sem crime de responsabilidade é golpe, mas muitos advogados rejeita rejeitam esses argumentos, segundo argumentos. Segundo eles, sobra sobram crimes de responsabilidade contra a presidenta Dilma Rousseff.

Mesmo com toda essa discussão, a presidenta Dilma Rousseff diz que não a base para o impeachment e que não quer renuncia vai renunciar. Dilma, numa entrevista com os jornalistas, elas Numa entrevista com jornalistas, Dilma respondeu algumas perguntas, e perguntas e repetiu o que ela já havia dito aos reitores, que não pretende renuncia. e renunciar e reclama de golpe contra ela, voltando a falar que impeachment sem crime de responsabilidade é golpe.

Com toda essa discussão sobre o impeachment, eu eu, como estudante, quero sim o afastamento de Dilma, para que a minha geração construa um Brasil melhor e mais forte.

Comentário geral

Texto fraco, marcado por uma enorme quantidade de erros e problemas de linguagem e conteúdo. O autor demonstra não ter noção do que é a norma culta escrita, seja pelos erros de ortografia, de concordância, de pontuação e de sintaxe. De resto, em termos de conteúdo, além de prolixo, é muito repetitivo: veja-se, por exemplo, a inúmera quantidade de vezes que ele põe no texto o nome da presidente, ora chamando-a de presidente, ora de presidenta, ora chamando-a só pelo primeiro nome e até usando o artigo definido (da Dilma), como se fosse íntimo da presidente. Mas há muitas outras redundâncias. Sem falar em problemas de argumentação, de coesão, de estrutura, etc.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: é possível que o aluno tenha começado esse parágrafo, mudado de ideia e resolvido reescrevê-lo no parágrafo seguinte, onde diz as mesmas coisas, quase com as mesmas palavras. Mas esqueceu-se de apagar esse aqui, que termina com erros crassos.

2) Segundo parágrafo: mistura introdução e desenvolvimento, além de outros problemas mais pontuais. Por vitórias e derrotas, o autor quer dizer que o governo teve pontos positivos e negativos, conquistas e problemas. O uso repetitivo de Nordeste e nordestinos é agravado pelo fato de o programa Minha Casa Minha Vida não se limitar ao Nordeste.

3) Terceiro parágrafo: sem mencionar a forma coloquial do uso do pronome em querem ela e o brutal erro de grafia em corupsão, ainda há ambiguidades: os envolvidos com a Operação Lava Jato não são necessariamente os investigados e os condenados, mas também os juízes, procuradores, agentes da PF, etc.

4) Quarto parágrafo: aqui a repetição chega ao auge e o autor faz a mesma afirmação duas vezes. Além da redundância, há o uso enigmático da palavra reitores. Será que o autor a usou pensando em eleitores? Ou se referia mesmo a reitores de universidades? Nesse caso, quando foi essa entrevista de Dilma com reitores universitários?

5) Quinto parágrafo: o autor tem todo o direito de se posicionar pessoalmente, mas dizer que quer o afastamento da presidente por causa da discussão não é propriamente uma justificativa. Justificativa seria dizer que, no entendimento do autor, baseado na opinião dos juristas, ele crê ter havido crime de responsabilidade, motivo para apoiar o impeachment.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 0,5
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 1,0
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0,5
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0,0
Nota final 3,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos