Diminuindo a criminalidade de forma eficaz

NOTA 2,5

Há séculos a violência e a criminalidade fazem parte do Brasil, e com Brasil e, com o passar do tempo ela cresce tempo, elas crescem de forma absurda. Muito se discute o motivo desse crescimento, e crescimento e se a pena de morte para criminosos diminuiria com a a criminalidade.

Um dos principais fatores que contribui para o aumento da criminalidade é a impunidade, o criminoso em muita das vezes impunidade. O criminoso, muitas vezes, não passa o tempo necessário isolado da sociedade. Além disso, o atual sistema prisional é falho, pois não causa o real não promove realmente um processo de ressocialização, em muitas vezes ressocialização. Pelo contrário, em geral, o bandido sai da prisão ainda mais violento e vem à torna a cometer outros crimes.

A pena de morte é permitida em alguns estados no Estados Unidos, e o país possui população mais elevada que o maior que a do Brasil, porém ele apresenta menor índice de criminalidade. No entanto o processo citado não seria permitido no Brasil, pois infligiria o artigo da constituição, aonde da Constituição que diz que todos possuem direito à vida.

Por todos os aspectos apresentados apresentados, seria vantajoso que às as penas de crimes e o atual sistema carcerário fossem melhores estudados e aplicados, aonde de modo que realmente fosse visado visada a ressocialização do criminoso, logo diminuindo o índice de criminalidade e colaborando para a com toda a população.

Comentário geral

Texto fraco, marcado por trechos confusos, que demonstram pouco domínio da linguagem escrita. Não há coesão nenhuma, os parágrafo não apresentam conexão entre si, exceto pelo último que tenta formalmente se encaixar com o anterior. De qualquer modo, não há propriamente uma dissertação. Além disso, há uma defesa da pena de morte que não tem um fundamento sólido e que pode ser enquadrada como um desrespeito aos direitos humanos. Fazer uma defesa da pena de morte não é aconselhável, especialmente se não há argumentos fortes que de fato a sustentem.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: a) o autor não usa corretamente as noções de tempo. Aparentemente, o que ele quer dizer é que, apesar de ser um problema antigo no país, a violência continua crescendo cada vez mais. Com as expressões vagas como há séculos, com o passar do tempo e com os verbos no presente do indicativo, uma noção temporal correta não é transmitida ao leitor. b) Não era necessário dizer que a pena de morte vale para criminosos. Não haveria de ser para cidadãos de bem.

2) Terceiro parágrafo: aqui a confusão é enorme. O autor não consegue expressar seu raciocínio com clareza e o que ele quer dizer é muito simples: se a pena de morte funciona a contento em alguns lugares dos Estados Unidos, por que a nossa Constituição a proíbe? Ora, em primeiro lugar, nem tudo o que é bom para os Estados Unidos é bom para o Brasil. Em segundo, os textos que informam a proposta de redação deixam claro que, embora não exista legalmente, a pena de morte acaba ocorrendo na prática e com o apoio de pelo menos 50% da sociedade brasileira.

4) Quarto parágrafo: a) por seria vantajoso o autor quer dizer que seria recomendável. b) O que o autor acha necessário é que o Código Penal e o sistema prisional sejam reformados, de modo a cumprir eficientemente o seu papel. c) A última frase tem a sintaxe truncada. O autor deveria ter iniciado um novo período, do seguinte modo: Com isso, provavelmente diminuiriam os números do crime, para benefício da população.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 0,5
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 0,5
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0,5
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0,5
Nota final 2,5
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos