Topo

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez

REDAÇÕES CORRIGIDAS - Setembro/2018 Direitos humanos: em defesa de quem?

Redação corrigida 300

Direito dos Manos?

Erro Alteração Correção

O movimento Iluminista iluminista serviu como base para muitas questões da sociedade moderna; dentre elas temos a Declaração dos Direitos do Homem e Cidadão. No entanto, parte da população crer crê que seu proposito propósito é a defesa de criminosos. Devemos analisar os diferentes aspectos desse debate.

Todo Cidadão cidadão deve usufruir : de educação, saúde e segurança pública, isso isto é, os Direitos Humanos direitos humanos estão presentes nas mais diversas áreas. Contudo, por ser no âmbito criminal que recebe maior destaque formol-se destaque, formou-se o senso comum de que esses direitos servem apenas para proteger bandidos.

Um estado absolutista é arbitrário, podendo prender alguém sem justificativa, afirma Heloisa Fernandes Fernandes, professora da Universidade Federal do Paraná. Remontando à Ditadura Militar, no momento em que houve a retirada da defesa criminal aconteceu aconteceram diversas prisões incoerentes ilegais.

Dessa forma, com o intuito que haja um esclarecimento das ideias da população, cabe as às escolas oferecer maiores debates a respeito da importância dos Direitos Humanos direitos humanos na sociedade. Também é dever do estado, por meio de propagandas educativas, esclarecer que tais direitos é de respeito a todos.

Comentário geral

Texto fraco. Em termos de linguagem, o autor se expressa mal, produzindo frases genéricas demais. Em termos de estrutura, o texto não tem coesão nem coerência, principalmente no que se refere aos dois parágrafos em que deveria haver uma argumentação. Em termos de conteúdo, o texto é bastante superficial, afirmando que a população de um modo geral tem preconceito contra os direitos humanos, mas sem conseguir explicar por que isso ocorre.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: a declaração em vermelho é genérica e ambígua. O autor quer dizer que as ideias iluministas influenciaram a sociedade contemporânea e que uma dessas ideias é a dos direitos humanos. Mas isso é uma interpretação generosa de sua frase imprecisa.

2) Segundo parágrafo: aqui existe um argumento, embora muito mal expresso. Os direitos humanos se referem a vários âmbitos da vida do homem, mas, por receber destaque no que se refere ao crime, passou a ser mal interpretado pela população. Mas falar que esses direitos “estão presentes nas mais diversas áreas” é uma expressão confusa e equívoca. O erro de conjugação do verbo “formar-se” é grave, da mesma forma que o uso de acento circunflexo na preposição “dê”.

3) Terceiro parágrafo: é o ponto mais baixo do texto. Em primeiro lugar, há um erro conceitual em falar de absolutismo, fenômeno histórico que remonta aos séculos XVI e XVII e não à ditadura militar brasileira. A frase final é agramatical, pois não obedece à sintaxe do português. Em termos semânticos, a afirmação é genérica e a citação da professora provavelmente não se refere ao absolutismo.

4) Quarto parágrafo: “maiores” debates? Os debates poderiam ser menores? Provavelmente o autor quis dizer “mais debates”. Finalmente, além do terrível erro de concordância, o autor quer dizer que os direitos humanos se referem a todos e não somente aos criminosos.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 50
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 100
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 50
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 50
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 50
Nota final 300

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

Outros temas