Topo

Educação

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Agosto/2019 Criptomoeda: tecnologia e revolução econômica

Redação corrigida 480

Menos influência estatal não significa menos ordem

Inconsistente Erro Correção

Com o advento da internet na última metade do século XX e, agora, início do XXI, o chamado mundo virtual passou a aderir tudo que está conceitualmente abstrato - uma moeda é real, mas o valor de troca é racional e depende de fatores coletivos e quantitativos. Nesse sentido, a parte interativa da realidade pode ser espelhada na internet sem a física. Por isso uma revolução provocada pelo dinheiro criptografado, como o Bitcoin, é possível, até mesmo provável, e contribuí contribui para uma dinâmica de mercado menos centralizadora. No entanto, cabe ao Estado garantir o cumprimento dos preceitos de mercado, principalmente.

Percebe-se, quanto a avanços tecnológicos, semelhantes ao supracitado, a tendência do de o desenvolvimento ocorrer da de forma fragmentada, com contribuição de centenas de pesquisadores de todo o planeta. Assim ocorreu com a decodificação do DNA humano, por exemplo. Analogamente ocorre com milhares de fóruns da rede social de computadores e, portanto, torna-se impossível parar com a integração das moedas virtuais no meio social. Sendo assim assim, os fatos caminham para relações comerciais mais autônomas e independentes de terceiros como o governo. Destarte, instituições financeiras: bancos, financeiras etcétera etc. terão de adaptarem-se se adaptar a trabalhar com menos fundos de clientes, uma vez que a diminuição da supervisão governamental torná-las-iam torná-las-ia em investimento de risco.

Outro âmbito notado corresponde a à perda de poder do governo na economia, condizente com a teoria de John Locke, considerado o pai do liberalismo. Por esse Nesse sentido, é correto considerar tal rompimento com as conjunturas atuais provocado pelas criptomoedas como benéfico. Por outro lado, favorecendo a teoria liberal - que no contexto revolucionário discutido seria regra -, a regulamentação das práticas de comércio deveria possuir punições mais forte àqueles que a as desobedecerem, uma vez que, diferentemente de hoje, o Estado não terá conhecimento dos valores monetários dos indivíduos. Por conseguinte, ele não terá real dimensão do prejuízo causado.

Para tanto, as instituições ligadas a à economia devem realizar conselhos de debates sobre os impactos e as soluções relacionados a problemas e vantagens vindas das moedas online. Desta Dessa forma, as incertezas e surpresas serão diminuídas quando se tratar de planos futuros.

Comentário geral

Texto muito prejudicado pela linguagem obscura, com a qual o autor parece apenas disfarçar a falta de uma tese substancial sobre o tema.

Competências

  • 1) O texto é marcado por ambiguidades e obscuridades. Praticamente todos os trechos assinalados em vermelho têm significado duvidoso. Outra impressão que fica é a do estilo "Rolando Lero", em que o autor constrói frases grandiloquentes para disfarçar a falta de conteúdo de seu texto.
  • 2) O autor entendeu o tema, mas de modo simplista. Sua tese é a de que alguma instituição tem de regular as criptomoedas, já que o governo e os bancos não poderão fazê-lo. É o máximo que se pode extrair de um texto cuja linguagem obscura parece usada para iludir e impressionar o leitor.
  • 3) Não há uma argumentação, nem uma linha de raciocínio. Há apenas divagações que comparam as criptomoedas a outras tecnologias revolucionárias.
  • 4) O uso correto dos recursos coesivos dá ao texto a aparência de um todo coeso, apesar das divagações.
  • 5) A sugestão de intervenção é genérica e a conclusão é apenas um complemento retórico para a grandiloquente obscuridade de tod o texto.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 80
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 120
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 80
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 120
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 80
Nota final 480

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.