O profissional

NOTA 4,0

Não é raro encontrar vídeos, relatos e matérias jornalísticas onde em que professores são ameaçados ou até mesmo sofrem algum tipo de agressão. Infelizmente, tal profissão no Brasil é considerada uma "segunda opção" para quem não consegue "fazer mais nada" . Porém Porém, como uma profissão tão necessária para a nossa formação como cidadão seja pode ser tratada de tal forma?

No Brasil, se preza muito pela preza-se muito a melhoria na educação, sendo que os professores são extremamente desvalorizados, tanto pelos alunos quanto pelos pais. Uma pesquisa aponta que no continente asiático, os professores são mais renomados e possuem maior status, enquanto no Brasil, os profissionais recebem um tratamento oposto, onde em que nem os responsáveis querem ver seus filhos como professores. Um país onde um professor não consegue exercer o seu trabalho sem que se sinta ameaçado ou ridicularizado é realmente preocupante. Professores não só deveriam ser mais valorizados economicamente, mas também deveriam ser valorizados profissionalmente, como profissionais da educação e formadores de cidadãos. Todo profissional precisa ou já precisou de um professor.

Uma possível maneira de, aos poucos, melhorar tal situação, seria transmitir materiais publicitários e televisivos a respeito da profissão, exaltando sua importância em nossas vidas ou até mesmo em palestras fornecidas pelas escolas, onde os professores poderiam debater de maneira mais ampla diversos assuntos com os alunos e seus respectivos responsáveis.

Comentário geral

 

Texto mediano, que começa de modo confuso, mas, sobretudo no desenvolvimento, expõe fatos que constam da coletânea, sem relacioná-los com o resto do texto, de modo a compor uma linha de raciocínio. Note-se que o segundo parágrafo nem chega a responder a pergunta formulada no parágrafo anterior. Para piorar, a sugestão final beira o absurdo: se o professor não é respeitado quando dá aula, por que o seria nessas palestras sobre assuntos diversos?

 

Aspectos pontuais

 

1) Primeiro parágrafo: não são os vídeos, os relatos, as reportagens que ameaçam ou agridem o professor. Esses vídeos, relatos, etc. registram, documentam, mostram situações em que os professores são ameaçados ou agredidos. Além disso, essa primeira declaração não está bem conectada com o que vem a seguir, que é o preconceito contra o professor. Para concluir, o autor lança uma pergunta que não será respondida?

2) Segundo parágrafo: começa apontando uma contradição brasileira (preza-se a educação, mas despreza-se o professor), mas em vez de tentar explicar porque isso ocorre, resolve reproduzir informações da coletânea, sem relacioná-las com o que foi dito antes, nem com o que vem depois. Diga-se que o parágrafo termina com divagações avulsas relacionadas ao tema e só se salva porque no final apresenta um argumento sólido e incontestável: Todo profissional precisa ou já precisou de um professor.

3) Terceiro parágrafo: a sugestão da publicidade e da TV é boa, mas poderia ter sido mais bem explorada. A sugestão das palestras já foi comentada e é inócua.

 

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 1,0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 1,0
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0,5
Nota final 4,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos