Topo

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez



REDAÇÕES CORRIGIDAS - Dezembro/2018 Epidemia alimentar: sobrepeso e obesidade

Redação corrigida 840

Obesidade: uma questão de saúde pública

Erro Alteração Correção

O sobrepeso e a obesidade podem ser entendidos como consequência de um consumo de calorias acima da capacidade do organismo de queimá-las. Muitos estudiosos vêm considerando-os uma epidemia, visto que já atingem 40% da população adulta global e 20% da infantil.

A preocupação com o aumento do número de casos de obesidade vai além da questão estética; o ganho de peso traz consequências danosas à saúde e reduz a qualidade de vida desses indivíduos. Suas principais causas são o sedentarismo, o consumo exagerado de alimentos ricos em açúcares e altamente processados (biscoitos recheados, fast-food, refrigerantes, etc.) e também a hereditariedade que pode afetar o metabolismo individual.

Sabe-se que o excesso de peso pode acarretar em acarretar diversos problemas, como as doenças cardiovasculares, artrose, osteoporose, distúrbios psicológicos, lombalgia e diversos tipos de câncer. Todas essas condições geram um ônus aos serviços de saúde públicos que nem sempre conseguem suprir as demandas dessa população.

Por se tratar de uma condição complexa, os pacientes obesos requerem um atendimento multiprofissional que possa auxiliá-los em todas as dificuldades advindas de seu problema de saúde, para que esses possam ter confiança e buscar uma vida mais saudável.

Diante do exposto, compreende-se que a obesidade vem se tornando um problema de saúde pública e, portanto, são necessárias políticas e posicionamentos que visem soluções para o problema em todos os níveis de atenção, abrangendo as diversas faixas etárias e condições sociais.

Comentário geral

Sem dúvida, o texto está muito bem escrito e há um único reparo a fazer no âmbito da linguagem: o adjetivo “global” está deslocado, pois se refere tanto à população adulta quanto à infantil e não somente à adulta. Independentemente disso, o grande problema do texto é seu caráter essencialmente expositivo, quando a proposta exige uma dissertação argumentativa. Vale à pena compreender essa diferença lendo o dossiê Expor ou argumentarÉ justamente por seu caráter expositivo, que o texto não chega propriamente a uma conclusão (especificamente na frase assinalada em vermelho no parágrafo final). Note-se que o fato de a obesidade estar se tornando problema de saúde pública já foi mencionado no trecho em vermelho do terceiro parágrafo. Além disso, a sugestão de intervenção é muito genérica. Limita-se, no fundo, a dizer que algo tem de ser feito.

Como sugestão para tornar a dissertação argumentativa, pode-se propor que o autor antes de mais nada problematize o tema na introdução. Por exemplo: até algum tempo atrás, a obesidade só era considerada um problema de saúde em casos excepcionais e não atingia uma porcentagem significativa da população. Sendo assim, o que ocasionou a situação de hoje, em que ela é vista como uma doença e de caráter epidêmico? Por um lado, o avanço da medicina descobriu os malefícios que o excesso de gordura acarreta à saúde. Por outro, a indústria alimentar ainda não está adaptada às necessidades de uma alimentação efetivamente saudável.

Ou seja, o parágrafo inicial expõe o problema e indica suas causas. Restava agora ao autor desenvolver essas causas e apresentar sugestões de como prevenir a obesidade. Nessa estrutura, ele apresentaria os mesmos dados que expôs em seu texto, mas sempre tendo em conta a perspectiva de que ele tem de apresentar uma tese sobre o tema, argumentar para defende-la e, chegar à conclusão e às sugestões de intervenção.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 200
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 160
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 200
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 160
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 120
Nota final 840

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.