PUBLICIDADE
Topo

Educação

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Fevereiro/2020 Qualificação e o futuro do emprego

Redação corrigida 220

Qualificação será o futuro do emprego

Inconsistente Erro Correção

Hoje em dia a taxa de desemprego esta está muito alta, isso é fato, mas não acho que seja realmente por falta de oportunidades, mas sim por falta de qualificação, existem qualificação. Existem muitos desempregados hoje, imagina futuramente! Parte da população hoje não possui ensino superior, o que ja é bem exigido, entre exigido. Entre pessoas que tem têm ensino superior e pessoas que tem têm uma pós graduação pós-graduação, provavelmente vai contratar a pessoa que tem uma pós graduação pós-graduação.

Agora vamos falar do futuro que nós nos espera. Estamos no século da tecnologia e inovação onde e inovação, em que, cada vez mais maquinas mais, máquinas ocupam o lugar de alguém, não só por falta de qualificação, mas também pela substituição de pessoas por maquinas máquinas. Também acho importante destacar que isso não so por deixar uma pessoa desempregada desempregada, mas também faz com que á a empresa economise economize dinheiro e tempo, sendo assim possa produzir mais.

Para finalizar finalizar, acho importante dizer então que futuramente sem qualificação, o desemprego tenha uma taxa bem mais elevada que atualmente. Espero que as pessoas deem mais valor para os estudos, já que atualmente a taxa de jovens sem estudos é bem alta.

Comentário geral

Lamentavelmente, o texto é um grande mal-entendido. Não está escrito em linguagem formal. Ao contrário, é bastante coloquial e repleta de erros gramaticais, em especial de pontuação e sintaxe. Isso já revela que o autor não compreendeu o tipo de texto que deveria produzir. Além de informal, também não é propriamente uma dissertação, mas um conjunto de parágrafos que expressam divagações sobre o tema. O conteúdo dessas divagações é confuso. Por exemplo, o autor afirma claramente que as máquinas vão ocupar o lugar de alguém, devido a substituição de pessoas por máquinas. Ora, ocupar o lugar de alguém já é substituí-lo e, se isso ocorre, não pode ser por causa de isso ter ocorrido. Uma causa não pode ser ao mesmo tempo sua consequência. Um texto como esse corre o risco de cair nas mãos de um corretor mais rigoroso e receber uma nota ainda mais baixa do que essa que lhe foi atribuída aqui. Se o autor pretende fazer o ENEM, precisa correr atrás do prejuízo: aprender que linguagem formal não é a que se emprega em bate-papo e que dissertação não é um depoimento pessoal sobre um assunto.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 80
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 80
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 20
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 20
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 20
Nota final 220

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.