Responsáveis pelo próprio sucesso

NOTA 3,0

Atualmente, é visível a decadência da educação brasileira. A baixa qualidade do ensino no país é evidenciada dia após dia [dia,] com índices preocupante preocupantes, tornando a realidade brasileira uma situação preocupante. Será possível o aluno correr atrás do seu próprio sucesso sem depender da educação oferecida pela escola?

No Enem em 2014 Enem, em 2014, 8,5% dos alunos tiraram nota zero em redação e apenas 0,004% tiraram a nota máxima, isso evidencia claramente a baixa qualidade no ensino do país país, já que um em cada cinco alunos do 3º ano do ensino fundamental não possui os mínimos requisitos de alfabetização e leitura.

O primeiro detento a ter nível superior do Estado de São Paulo já se destaca. O diploma foi obtido através de uma parceria com uma universidade que oferece a modalidade de ensino á à distância, sendo o detento um exemplo de superação e esforço próprio em busca da educação.

É necessário que o aluno tenha a capacidade de perceber que a educação também depende dele, para que possa ir atrás de uma qualidade de educação educação de qualidade, sem depender do que é oferecido pela escola.

Comentário geral

Texto fraco. Mal chega a ser uma dissertação, mas quatro parágrafos avulsos em que o aluno apresenta muito genericamente a situação da educação no pais e afirma que cabe ao indivíduo buscar superar esta situação. Há um parágrafo inteiro marcado pela confusão e várias passagens ambíguas ou incompletas, quando não paradoxais.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: a) Por que decadência? Por acaso o quadro já foi melhor? Se foi, por que isso não é mencionado? Falar em decadência pressupõe uma perspectiva histórica que o texto não tem. b) A pobreza do vocabulário do aluno está presente no texto como um todo, mas se torna gritante em afirmações que qualifica a situação sempre com o mesmo adjetivo, no caso, preocupante. c) Correr atrás é expressão da norma coloquial e o aluno ainda a repete, com pequena variação, no último parágrafo: ir atrás.

2) Segundo parágrafo: O aluno cita dois exemplos que demonstram a baixa qualidade do ensino no país, só que não consegue perceber que o primeiro e o último deveriam estar coordenados. O fato se ele colocar o segundo exemplo como uma oração subordinada da principal destrói a sintaxe do parágrafo.

3) Terceiro parágrafo: a) Se destaca em que, onde, como? b) Parceria entre a universidade e quem mais? O prisioneiro? A prisão?

4) Quarto parágrafo: Como também? Por tudo o que foi dito antes, desde o título, depreende-se que o aluno, individualmente, só pode conseguir sucesso na educação com o seu próprio esforço, segundo a opinião do autor da redação.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 1,0
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,0
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 0,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 0,0
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 0,5
Nota final 3,0
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos