Topo

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez



REDAÇÕES CORRIGIDAS - Dezembro/2018 Epidemia alimentar: sobrepeso e obesidade

Redação corrigida 480

Se aceite como você é, mas com saúde

Erro Alteração Correção

Quartos grandes, cozinhas pequenas e salas vazias é são o retrato das moradias nos tempos de hoje. As famílias já não se reúnem mais para o tradicional almoço de domingo. Cozinhar, bate-papo bater papo, ver as crianças correndo pela casa, isso ficou para trás, registrado na mente dos mais velhos, dos saudosistas.

O prazer de cozinhar para o a família e os amigos ficou no passado. Nos tempos de hoje hoje, a as pessoas procuram pelo prático e rápido, o sabor de uma boa comida feita na hora ficou em segundo plano. Pra quê que perder tempo cozinhando, com cozinhando? Com uma simples ligação ligação, qualquer tipo de refeição bate na sua porta a à hora em que você quiser. Uma passadinha rápida no supermercado tudo pronto, temperadinho.

O reflexo de tanto comodismo é o sedentarismo e junto com ele uma grande quantidade de obesos de todas as idades e classes sociais. Envoltos nas redes sociais e programas televisivos que pregam a todo momento “se aceite como você é”, e esquecem que essas pessoas estão com sobre peso e sobrepeso e, se não estão estão, logo, logo ficarão com algum problema de saúde. A final Afinal, ficar preso em um celular na frente de uma televisão, sem disposição até para pegar, fazer uma refeição não é nada saudável.

Por quê ao invés que, em vez de pregar se aceite como você é é, a mídia não começa uma campanha: Se se aceite como você é, mas com saúde. Coma mais, melhor e viva mais. Vai que a moda pega como tantas outras.

O Governo deveria desenvolver políticas sociais com orientações sobre que determinados alimentos causam a saúde, sobre taxar sobretaxar alimentos ricos em sal, açúcar e gorduras ruins. Possibilitar que as escolas sirvam somente produtos saudáveis. E principalmente que nos produtos industrializados venham com rótulos grandes de fácil entendimento a composição da composição do alimento que o indivíduo está ingerindo.

O ideal seria que as famílias, que famílias e os amigos voltassem a se reunir mais em suas cozinhas, que resgatassem o prazer de cozinhar, de fazer uma boa e saudável comida, o bom e velho arroz com feijão.

Comentário geral

O grande problema do texto é que ele aborda o tema secundariamente. A grande preocupação do autor parece ser o modo de vida contemporâneo, em contraste com o modo de vida anterior. É a essa mudança que ele atribui, entre outras coisas, o problema do sobrepeso e da obesidade. Além dessa abordagem inadequada, o texto não pode ser caracterizado como uma dissertação argumentativa. Antes, ele é um texto híbrido, em que vemos narração nos dois primeiros parágrafos, dois parágrafos de caráter dissertativo, que, no entanto, parecem uma digressão em meio à narrativa, e os dois parágrafos finais, um efetivamente propondo algumas soluções, outro manifestando saudosismo. Se o texto não tivesse de se adequar às exigências da proposta, ele poderia ter uma nota melhor. Infelizmente, sua abordagem é equivocada, assim como o gênero textual desenvolvido.

Aspectos pontuais

1) Terceiro parágrafo: os trechos assinalados em vermelho são confusos e têm a sintaxe truncada. O resultado é que o leitor não consegue acompanhar o raciocínio do autor. No primeiro trecho, há uma confusão entre o sujeito da oração, que primeiro é o público e depois os responsáveis pela propaganda. No segundo, não se sabe o complemento do verbo “pegar”.

2) Quarto parágrafo: “vai que a moda pega” é uma expressão que não cabe numa linguagem formal. É um exemplo de como o texto está mais para o coloquial, do que para a linguagem formal exigida pelo texto dissertativo-argumentativo.

3) Quinto parágrafo: mais uma vez a sintaxe está truncada por um uso incorreto de preposição, por um erro de concordância. Além disso, o que o autor quis dizer com “a composição da composição”?

4) Sexto parágrafo: “bom e velho” é mais uma expressão coloquial.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 120
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 80
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 80
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 80
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 120
Nota final 480

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.