Sociedade Conectada

NOTA 7,5

A explosão do mundo virtual no século XXI foi capaz de drasticamente transformar transformar drasticamente o procedimento das relações sociais do ser humano. Nesse contexto, surge um debate caloroso que põe em pauta as consequências dessa mudança de interações, e interações e se elas realmente impulsionam uma evolução positiva nas relações humanas.

O conceito de sociedade líquida do sociólogo Zygmunt Bauman se refere à sociedade atual, onde em que as interações são breves e superficiais. Essa característica é potencializada pela globalização a partir do mundo virtual, onde em que as pessoas são tão facilmente desvinculadas quanto foram conectadas.

Porém, não é válido incriminar a internet como causa da superficialização das interações entre indivíduos – a qual indivíduos, pois ela é apenas uma ferramenta que facilita uma maior interação e troca de informações pelo globo. A "liquidez" das relações atuais deve-se principalmente ao eminente individualismo e à superestimação das aparências que estruturam a atual sociedade a sociedade atual. Dessa forma, as redes sociais atuam somente como reflexo das ideologias contemporâneas.

Ademais, o mundo virtual dispõe de um enorme potencial para de fato para, de fato, expandir e intensificar a intercomunicação, auxiliando na unificação de massas para ações populares, por exemplo. Ele também possibilita expor problemáticas culturais, como o machismo, racismo e homofobia, dando voz a movimentos de resistência e inclusão social.

Concluindo, é necessário perceber que está nas mãos do ser humano como o mundo virtual é manuseado utilizado, visto que são as ações e crenças do homem que definirão a sociedade em que ele se apresenta, e vive e, consequentemente, decidirão se as redes sociais são um beneficio benefício ou não para as relações interpessoais.

Comentário geral

O texto é bom, mas apresenta alguns problemas graves. Em primeiro lugar, no que se refere à compreensão do tema, o autor parece não distinguir claramente que ele põe em questão, especificamente, o papel das redes sociais. O texto fala uma única vez em redes sociais. De resto, fala sobre internet e "mundo virtual", abrangendo questões mais amplas, extrapolando o tema delimitado. Em questão de linguagem, há muitas repetições de palavras e alguns trechos vagos ou obscuros, em que não se sabe exatamente o que o autor está querendo dizer. Nota-se claramente que o autor tem a intenção de fazer uma análise profunda do tema que escolheu. Só que, às vezes, ele apenas expressa de modo complicado questões muito simples e sua verborragia talvez sirva apenas para camuflar isso. No fundo, sua tese se resume ao fato de que não se pode julgar uma "ferramenta", pois ela é só um reflexo da sociedade que a criou. E esse raciocínio é parcialmente falacioso, pois pode ser aplicado a qualquer tema.

Aspectos pontuais

1) Primeiro parágrafo: o autor usa expressões de caráter metafórico, ambíguas ou complicadas para se referir a coisas simples: explosão do mundo virtual, por exemplo, deve significar a terceira revolução industrial ou revolução da informática. Procedimento das relações sociais do ser humano significa apenas o modo como se dão as relações humanas.

2) Demais parágrafos: destacamos em vermelho as expressões repetidas e a única vez em que o autor mencionou as redes sociais.

Competências avaliadas

Itens Nota
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 1,5
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 1,5
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 1,5
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 1,5
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 1,5
Nota final 7,5
Saiba como é feito a classificação das notas
2,0 - Satisfatório 1,5 - Bom 1,0 - Regular 0,5 - Fraco 0,0 - Insatisfatório

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.

UOL Cursos Online

Todos os cursos