Topo

Banco de Redações

O UOL corrige e comenta 20 redações. Envie a sua sobre o tema da vez


REDAÇÕES CORRIGIDAS - Janeiro/2019 O Brasil e os imigrantes no mundo contemporâneo

Redação corrigida 100

Um caso precário

Inconsistente Erro Correção

No mundo atual, milhares de indivíduos estão saindo do seu país natal e deslocando-se para o Brasil. Tomam essa decisão, de deixar famílias, amigos e parentes, no intuito de trabalhar e conquistar uma vida melhor para a sua sobrevivência.

Esses seres humanos estão por toda parte no nosso país. Em ruas, praias e empresas, vendendo de tudo para se manter. Infelizmente, essas ocorrências são desagradáveis, pois precisam fugir de guerras, pobreza e crises para continuar a sua motivação de vida. Para algumas pessoas, isso pode ser algo aprazível, mas para outras não.

A migração está evoluindo cada vez mais, todos os dias em função dos aspectos humanistas. Cada pessoa é única e a sua vida deve ser construída da maneira, que resultam o sucesso e a tranquilidade de maneira que resulte em sucesso e tranquilidade. Nada é fácil atualmente, mas não podemos desanimar. A luta de hoje, será o sucesso de amanhã.

Comentário geral

Infelizmente, o texto é precário. O autor não consegue sequer apresentar corretamente os fatos, nem conectá-los, de modo a criar uma dissertação. Exceto uma compreensão superficial do tema, o texto nada tem que mereça ser levado em conta, para aumentar sua pontuação. Os trechos assinalados em vermelho são muito problemáticos e são comentados a seguir.

Competências

• 1) A linguagem é simples demais, possui problemas sintáticos graves, ambiguidade e exageros. Só para dar uma ideia da insuficiência comunicativa no texto, leia-se a frase inicial, que dá a entender que a onda de imigração mundial se direciona unicamente para o Brasil. Ou, então, a última, onde se evidencia o fato de o autor não entender que sobreviver vem antes da conquista de uma vida melhor.

• 2) O autor compreendeu o tema de modo muito parcial. Apenas tangenciou o que a proposta de redação exige. Não só apresentou os fatos de um modo precário, como encerrou o texto com um chavão de autoajuda, completamente inadequado a uma dissertação argumentativa.

3) Em termos de argumentação, veja-se o terceiro parágrafo, que começa com um grande exagero, incoerente com a realidade dos fatos. Depois, considere-se o uso de “essas ocorrências”, que, além de designar, na verdade, uma única ocorrência, acaba exercendo o papel de sujeito de “precisam fugir”. Ou a declaração final do parágrafo que, aparentemente, diz que a imigração pode ser agradável para uns e desagradável para outros, sem deixar claro se a afirmação se refere aos imigrantes ou aos habitantes do país para onde eles vão. Inexiste uma argumentação.

• 4) Não há coesão, mas declarações avulsas (algumas sem sentido, como a que inicia o último parágrafo), que não chegam a formar um texto propriamente dito.

• 5) Simplesmente o autor ignorou a competência final e não apresentou uma sugestão de resolução do problema.

Competências avaliadas

As notas são definidas segundo os critérios da pontuação do MEC
Título nota (0 a 1000)
Demonstrar domínio da norma culta da língua escrita. 20
Compreender a proposta da redação e aplicar conceito das várias áreas de conhecimento para desenvolver o tema, dentro dos limites estruturais do texto dissertativo-argumentativo. 20
Selecionar, relacionar, organizar e interpretar informações, fatos, opiniões e argumentos em defesa de um ponto de vista. 20
Demonstrar conhecimento dos mecanismos linguísticos necessários para a construção da argumentação. 20
Elaborar a proposta de solução para o problema abordado, mostrando respeito aos valores humanos e considerando a diversidade sociocultural. 20
Nota final 100

Redações corrigidas

Título nota (0 a 1000)

Os textos desse bloco foram elaborados por internautas que desenvolveram a proposta apresentada pelo UOL para este mês. A seleção e avaliação foi feita por uma equipe de professores associada ao Banco de redações.

Os textos publicados antes de 1º de janeiro de 2009 não seguem o novo Acordo Ortográfico da Língua Portuguesa. A grafia vigente até então e a da reforma ortográfica serão aceitas até 2012.

Copyright UOL. Todos os direitos reservados. É permitida a reprodução apenas em trabalhos escolares, sem fins comerciais e desde que com o devido crédito ao UOL e aos autores.