Um ato pela educação pública de qualidade: a luta é de todos nós!

Priscila Cruz

Priscila Cruz

Hoje vou fazer um texto um pouquinho diferente. Neste espaço em que normalmente falo com vocês sobre diferentes temas relacionados à educação, farei um convite a todos os meus leitores.

Às 16h de hoje, o movimento Todos Pela Educação vai realizar um ato pela educação brasileira pública na Câmara dos Deputados, em Brasília, com o objetivo de destacar a urgência de colocarmos de uma vez por todas a educação básica pública de qualidade como eixo central do projeto de desenvolvimento do nosso país. A escolha do local não foi aleatória. Com o evento, que conta com o apoio da Frente Parlamentar Mista da Educação, queremos mobilizar toda a sociedade, começando por aqueles que elegemos para nos representar. Se pudéssemos, faríamos um ato como esse também na Câmara de Vereadores e na Assembleia Legislativa de cada município e de cada Estado brasileiro. Esse ato, nesse local, é, portanto, simbólico.

Assim como foi simbólico o lançamento, há dez anos, do TPE no Museu do Ipiranga, em São Paulo. Naquela manhã fria de 6 de setembro, reunimos centenas de educadores, alunos, artistas, empresários e representantes dos poderes Executivo, Legislativo e Judiciário com o objetivo de colocar a educação básica pública na agenda de prioridades da sociedade brasileira, para que até 2022, ano do bicentenário da Independência do Brasil, tenhamos uma educação básica pública que ajude a promover equidade, justiça e sustentabilidade no nosso país. Desde então, sabemos que avançamos bastante –falei disso aqui na semana retrasada. A educação subiu na lista de prioridades dos brasileiros em pesquisas de opinião –passou a ser mais debatida, a ter mais visibilidade na imprensa e a fazer parte de conversas com nossos amigos e familiares.

Porém, também sabemos que não avançamos o suficiente. Temos a consciência exata do lugar aonde queremos chegar, e de que a estrada é longa e o caminho, tortuoso e cheio de obstáculos. Mas não podemos deixar ninguém para trás –como estamos fazendo há séculos.

É por isso que vamos reunir hoje na Câmara representantes de diversos lados desse grande polígono que é a Educação brasileira. Representando o nosso professorado, teremos a professora Lenita da Costa Fogaça, da rede pública do Distrito Federal. Já os estudantes estarão representados por alunos da rede pública do DF e pela jovem Tábata Amaral de Pontes, uma das fundadoras do movimento Mapa Educação. Ela ganhou bolsas de estudo e conseguiu algo que parece muito distante para os alunos da periferia de São Paulo: formou-se com honras máximas na Universidade Harvard, nos Estados Unidos.

Contaremos também com a presença da atleta Ana Moser, fundadora e presidente do Instituto Esporte Educação, para nos lembrarmos da importância do esporte no desenvolvimento das crianças e dos jovens; de Rodrigo Mendes, presidente do instituto que leva o seu nome, que trabalha arduamente pela Educação inclusiva; e dos MCs pela Educação, grupo de jovens músicos da periferia de São Paulo que procura mostrar o real valor do conhecimento, e que estudar é o melhor caminho. Os MCs são apoiados pelo Instituto Gerando Falcões.

Teremos, por fim, a leitura de um manifesto pela nossa Educação. Elaborado por dezenas de pessoas, o texto conclama o Brasil a colocar a educação como o eixo central do projeto de país. Ou seja: é fruto de um trabalho coletivo, exatamente como a nossa educação básica pública!

Em uma de suas mais célebres frases, Paulo Freire disse: "Se a educação sozinha não transforma a sociedade, sem ela tampouco a sociedade muda".
Assim, deixo aqui o convite para que nesta tarde demonstrem apoio a esse ato por uma educação de qualidade para todos. Quem puder, compareça à Câmara dos Deputados, e quem não puder ir até o local, conecte-se conosco pelas redes sociais do movimento, que transmitirão ao vivo esse momento.

Essa luta – difícil, mas possível – é de todos nós!

Informações:
Ato pela Educação
Data: 21/09/2016
Horário: 16h
Local: Plenário Ulisses Guimarães da Câmara dos Deputados, Brasília (DF)

Priscila Cruz

Priscila Cruz é fundadora e presidente-executiva do movimento Todos Pela Educação. Graduada em Administração (FGV) e Direito (USP), mestre em Administração Pública (Harvard Kennedy School), foi coordenadora do ano do voluntariado no Brasil e do Instituto Faça Parte, que ajudou a fundar.

UOL Cursos Online

Todos os cursos